Masculinidade Cristã (Parte III)





Esta é uma série de artigos que visa uma discussão sobre o que é a masculinidade e como podemos encontrá-la na Bíblia.

V

ideo Game

Pacman. Tetris. Street Fighter. Castlevania. Donkey Kong. Mario Bros. Sonic. Counter Strike. GTA. Halo. Se você já ouviu falar de alguns destes, é porque, não importa a idade, você já gastou horas diante de um vídeo game. Apesar de não ser um dos maiores fãs dele, reconheço que ele revolucionou a forma de entretenimento dos jovens nas últimas décadas, trazendo boas e más consequências, que não cabem ser avaliadas aqui. O fato é que, hoje, o video game é o símbolo que representa esta geração de garotos que crescem em idade, mas ficam estagnados em mentalidade ou perspectivas.

Antes de receber as primeiras vaias, já adianto que aqui eu fujo de generalizações – é lógico que nem todos os amantes do video game se enquadram no que vou dizer, mas é notório que a imagem do rapaz do século XXI é aquele que fica no seu quarto, todo bagunçado por sinal, jogando o seu querido video game, e não vendo o mundo passar do lado de fora da porta.

Como diz Bispo Walter McAlister, nossa geração criou crianças grandes, em vez de jovens adultos. Ser jovem virou desculpa para nossa irresponsabilidade com as diversas coisas. “Ele não cumpriu tal tarefa. Ah, vamos dar um desconto, ele é jovem.” Jovem virou sinônimo de irresponsabilidade! Isto é triste!
Eu não me acostumo com a ideia de que minha turma de faculdade possuía 80% de alunas, e 90% de professoras. Ao mesmo tempo que considero legal esta maior inclusão da mulher nos diversos ramos da sociedade, fico muito preocupado – cadê os homens? Estão vendo o mundo passar da janela de seu quarto, com o controle do video game na mão, enquanto a mulher tá correndo atrás, estudando, se preparando, querendo algo pra sua vida.
É urgente o clamor para que os jovens homens assumam novamente sua responsabilidade – estudar, se preparar para serem referência em sua família, trabalho e outros meios de convivência. Não me esqueço do conselho de Davi a seu filho Salomão: “Seja forte e seja homem.” Rapazes, faço eco nas palavras do Rei Davi: sejam homens!
Mesmo que você pense que está longe de ser um pai de família ou um trabalhador ainda, já se prepare para isto! Largue a preguiça e vá estudar, se preparar, fazer cursos. Mais importante ainda: vá orar, buscar a Deus, para formar um caráter de verdadeiro homem de Deus em você!
Muitas das reclamações das meninas em relação aos homens, no que tange a relacionamentos de namoro, é que os homens estão infantis, ou não passam segurança a elas, ou não possuem responsabilidade suficiente para assumir um compromisso sério (são muito “bobões”). Embora novamente não esteja generalizando, estou inclinado a concordar com elas.
Mas há tempo para reverter este quadro. Busque amadurecer, busque formar o caráter de um verdadeiro homem de Deus dentro de você. Aconselhe-se na Palavra, e também com homens que te inspiram e influenciam. Busque conselhos, corra atrás, desenvolva-se, senão o “game over” vai ser na vida real!
Fique na paz!

Por Gabriel Carvalho

Leia também a última parte deste artigo!

Compartilhe você também!
 

Discussão3 Comments

  1. [...] também a segunda parte deste artigo! Compartilhe você também!   Tags: [...]

  2. Diogo disse:

    perfeito.
    a verdade é que os homens hoje em dia são um bando de frouxos! vivem a vida através de seus video-games e aparelhos eletrônicos em geral e esquecem que a vida não se resume à entretenimento!
    eu conheço um rapaz que casou com sua namorada e ao invés dele ficar com sua esposa, cuidar dela, amá-la, dar carinho e segurança ele passa o dia inteiro no video-game… ele perdeu o emprego e oque que ele fez com o auxílio desemprego dele? comprou tênis e brinquedos! vê se pode uma coisa dessas? um homem casado, com casa pra sustentar gastando o único dinheiro que tem com coisas supérfluas… agora eles estão aí no maior perrengue pra pagar as contas, a esposa dele está completamente frustrada e até duvidando do amor dela por ele…
    é esse o modelo de homem que a sociedade de hoje está formando, um homem irresponsável, que pensa que a vida se resume em buscar se entreter (inclusive com mulheres, fazendo delas meros objetos…) e que deve sempre fugir das dores e responsabilidades…
    infelizmente hoje quase não existem mais HOMENS, mas sim apenas MOLEQUES…
    mas enfim, o panorama é triste, mas cabe a nós mudá-lo =]

Envie seu comentário